Weby shortcut 1a5a9004da81162f034eff2fc7a06c396dfddb022021fd13958735cc25a4882f
topo novo

O (Nada) Colorido Cinema Queer: o pensamento queer de cinema na América Latina a partir dos filmes XXY, Plata Quemada, Madame Satã e Elvis & Madona

Atualizado em 19/11/14 09:36.

A presente pesquisa tem como objetivo compreender a construção de um pensamento queer de cinema latinoamericano no início do século XXI a fim de identificar nas produções selecionadas na pesquisa rupturas e/ou (des)continuidades do modelo heteronormativo de sexualidade em suas diferentes formas e em diferentes contextos – considerando as possíveis aproximações e distanciamentos entre ficção (algumas delas baseadas em histórias reais) e/ou formatos mais alternativos ou comerciais de se fazer cinema. Para tal analiso as produções XXYPlata Quemada,Madame Satã e Elvis & Madona afim de ressaltar que a nacionalidade de seus diretores/roteiristas somada às vivências em contextos latinoamericanos conferem a seus trabalhos marcas perpassadas pela colonialidade, pelo feminismo e pela perspectiva queer.

Listar Todas Voltar