Weby shortcut 1a5a9004da81162f034eff2fc7a06c396dfddb022021fd13958735cc25a4882f
topo novo

Políticas Culturais LGBT: interpretações antropológicas de uma cultura adjetivada

Atualizado em 19/11/14 09:32.

Este projeto de pesquisa tem como foco as políticas culturais voltadas para a população LGBT (lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais), no Brasil contemporâneo. Objetiva-se realizar um mapeamento das propostas de ações que envolvem a chamada cultura LGBT , por meio da análise de documentos governamentais relativos a políticas públicas para tal população. Além disso, pretende-se mapear ações no âmbito de políticas culturais LGBT desenvolvidas no estado de Goiás. Tais elementos permitirão uma análise antropológica do que vem sendo discursivamente produzido como cultura LGBT , investigando os efeitos desse processo no que diz respeito à produção cultural da homossexualidade, transexualidade e travestilidade.

Vigência do Projeto: Agosto de 2012 a Julho de 2014.

Equipe Executora:
 
(Coordenador) Camilo Albuquerque de Braz – Professor Adjunto I do Departamento de Ciências Sociais, membro efetivo do Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social (PPGAS) e do Núcleo de Estudos e Pesquisas em Gênero e Sexualidade (Ser-Tão) da Faculdade de Ciências Sociais (FCS) da Universidade Federal de Goiás (UFG).
 
(PIBIC) Matheus Gonçalves França - Graduando em Ciências Sociais com habilitação em políticas públicas pela Universidade Federal de Goiás (UFG) e membro efetivo do Núcleo de Estudos e Pesquisas em Gênero e Sexualidade (Ser-Tão) da UFG.

 

Listar Todas Voltar